15 de set de 2009

Transformações I: Translação, Rotação, Escala

Logo de uma primeira sessão acerca da modelagem de NURBS, o design paramétrico-associativo e o Versioning, a segunda sessão introduz as noções dos algoritmos, o entorno do Grasshopper e a implementação da estratégia construtiva de modelagem (de pontos a curvas a superfícies). O primeiro passo avançado é o das transformações estendidas com o uso do componente da série. E lembrando a didática de David Fano, a gente fez uma torre paramétrica.

Neste exercício, introduzimos uma curva plana fechada que é trasladada múltiplas vezes por um vetor vertical cuja amplitude é um parâmetro para o pé direito do edifício e logo aplicado com o componente da série para ter as múltiplas translações. Numa segunda parte, as curvas repetidas como andares são rotadas individualmente e logo escaladas. A última parte do exercício gera as superfícies dos andares e a fachada, usando componentes de superfícies planas, defasado de curvas, divisão de curvas, geração de linhas com pontos transformados e a superfície de transição chamada de Loft.

Este é o primeiro de uma série de post que vão ser publicados para documentar alguns dos conteúdos estudados no workshop, com a intenção de fomentar o interesse, a prática e a discussão. Os comentários são bem-vindos.

Postagens recentes